segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

BRAÇADEIRA DO CAPITÃO

É emblemática a participação de Rogério Ceni no lance que garantiu a taça do campeonato ao São Paulo.

Evidente que o camisa um não repetiu em 2008 a mesma precisão em cobranças de falta e as defesas espetaculares que salvavam o tricolor.

Mesmo assim, Rogério ainda é fundamental. Agora com um aprimorado espírito de liderança, símbolo deste São Paulo vitorioso dos últimos anos.

3 comentários:

Vinicius Grissi disse...

É impossível imaginar o São Paulo hoje, sem o Rogério. É um jogador fundamental em tudo para o time.

Daniel Leite disse...

Discordo da Seleção da CBF. Ceni foi o melhor goleiro, mais consistente que o também bom de serviço Victor. Mas também não compactuo com a Placar. Bola de Ouro foi muito para o melhor jogador da história do SP.

Até mais!

Net Esportes disse...

Rogério já é um mito no tricolor paulista !!!!!

VALEUUU SÃO PAULOOOOOOOOO !!!!