terça-feira, 11 de novembro de 2008

JÚLIO CÉSAR, AINDA INSUPERÁVEL

Se você acha que Marcos é vanguardista, saiba que há quem já tenha ido além. Essa é da época em que você só treinaria o Flamengo se seu apelido fosse Carlinhos. Ou então, caso se chamasse Evaristo de Macedo. Há cinco anos, Júlio César já havia tentado copiar táticas da pelada em um jogo profissional. Veja a partir do minuto 3:11.




3 comentários:

Silvio Tambara disse...

Hahahahahaha, e o cara ainda chamou o técnico de burro!!!!!

Muito mais profissa que o Marcos.

Leandrus disse...

Como flamenguista, até hoje sou zoado por causa desse jogo e da atitude do Júlio César. E olha que era uma semifinal, e na final o Fluminense perdeu! Depois são os rubro-negros que só lembram de jogos que não deram em nada...

Gabriel Valladares disse...

Esse Julio Cesar é, e sempre foi, um babaca mesmo.